Blue Eyes

Blue Eyes

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Mordes os lábios num esgar de prazer, enquanto me abres as pernas e te diriges ao meu sexo. Molha-me. Lambe-me. Faz-me vir na tua boca. Beija-me. Ergue-me as pernas e pousa os meus pés nos teus ombros. Entra em mim, devagar, deixa-me sentir-te todo, tão duro, a entrar em mim. Agarra-me depois pelos tornozelos e abre-me bem as pernas. Fode-me. Fode-me forte. Não páres até eu me vir.

Sem comentários:

Enviar um comentário