Blue Eyes

Blue Eyes

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Gemes de prazer

Ela contorcia-se, não paravas quieta, tinhas circulos de prazer.
Esse teu rabo à mostra, pele macia e delicada...
Gostas que te penetre por trás, bem fundo, deixando-te louca, até te deixar completamente satisfeita.

Louco de tanto tesão, por querer foder-te de imediato.

Sentir-me dentro ti, agarrar-te com força e fazer-te gemer até ao fim.
O pau estava novamente duro e cheio de vontade.
Acaricio tudo de uma só vez e tu gemes, numa mistura de sofrimento e prazer.
Sinto-te ficar molhada e o meu dedo escorrega no meio dos lábios da cona. Toda a mão desliza muito melhor, o prazer aumenta sem parar.
Beijei-a no pescoço e ela gemia ao ritmo das investidas dos meus dedos. Procurei depois o botão do prazer, encontrei. Bem saído, o clitóris rebolava agora à volta dos meus dedos.
Lambi a tua boca, primeiro os lábio, depois um beijo profundo e apaixonado. Ela puxa-me, quer foder, sinto o seu tesão....
Vontade louca de a possuir...
Penetro-a completamente, com estucada ritmadas!
- Gostas disto minha doida, é bom, vem-te agora é uma ordem, vem-te, vem-te, isso mesmo, vem-te mais, adoro-te...
O teu orgasmo foi de tal forma que quase não te consegui segurar. O teu corpo entrou em movimentos incontrolados de prazer e gemidos fantasticos.

Abracei-te até te recompores.


A respiração ofegante acalmara...




Sem comentários:

Enviar um comentário