Blue Eyes

Blue Eyes

terça-feira, 29 de julho de 2014

Jorrou na minha boca

Cheguei, e vi o Mr Blue Eyes ali parado a olhar para mim... devorando-me com o olhar...sentia-me tão molhada, tão quente, tão desejada que não pude evitar de corar. Não pude nem falar.
Começou por beijar-me e ao mesmo tempo acariciar as minhas mamas com uma das mãos, a outra já se encontrava entre as minhas pernas onde parecia que tudo escorria por elas abaixo, aqueles dedos à procura de um buraquinho quente que dava origem àquele molho todo, a minha mão não se conteve e procurou, onde encontrou logo, aquele caralho escaldante que roçava nas minhas nádegas quase tirando-me todos os outros sentidos à excepção do tacto, e foi quando o Mr Blue Eyes arrancou minha tanguinha e eu desapertei as calças dele, baixei-me e engoli o pau quente e friccionei-o com uma vontade doida e com movimentos de trás para a frente que quase queria rebentar na minha boca pois sentia-o crescer cada vez mais, O Mr Blue Eyes  gemia como doido e segurava a minha cabeça para que eu não parasse de o fazer...como se eu fosse deixar de fazer uma coisa que quase me matava de tesão... e depois junto com a minha mão finalizei o meu trabalho fazendo realmente explodir, mas foi uma explosão quente de leite espesso que o jorrou na minha boca sem pedir licença... e que bem que soube... 


Sem comentários:

Enviar um comentário