Blue Eyes

Blue Eyes

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Maravilhosa

Miss Blue Eyes estava completamente nua, por momentos fiquei a observar...
Não aguentei mais e fui ter com ela, a Miss Blue Eyes foi baixando o seu corpo até conseguir chegar com a boca ao meu caralho, que estava duro como uma pedra.
Ela chupava maravilhosamente, que prazer me estava a dar, a Miss Blue Eyes arrancava-me gemidos.
Não aguentei mais e comecei a acariciar a gruta dela e, ao passar a mão pela ratinha, percebi que estava bué encharcada, demonstrando o seu grau de excitação.
Miss Blue Eyes então virou-se para mim e começo a lamber aquela gruta deliciosa..
- És tão saborosa Miss Blue Eyes, adoro o teu sabor, vem-te para mim, quero beber-te toda...
- Hummm foda-se.... lambe-me, chupa-me a cona toda...dá-me esse orgasmo...diz-te a Miss Blue Eyes completamente perdida.
A minha língua marota deliciava-se em suaves movimentos com os sucos vaginais da Miss Blue Eyes.
Lambi aqueles lábios fartos, chupavas-lhe o clítoris alternando com umas dentadinhas delicadas, enquanto dois dos meus dedos exploravam o interior daquela gruta lubrificada de tanto querer...
E gemia... gemia....
- Haaaaaaaa...hummmmmm...vou-me vir, chupa-me a cona não pares...chupa-me esse grelo , fode-me com esses dedos ...hummmmm.
Rapidamente a Miss Blue Eyes atinge o orgasmo e golfadas do seu liquido invadem a minha boca.
Depois fui colocando o meu caralho e quando estava todo lá dentro, começou um vai e vem que fazia mexer o corpo da Miss Blue Eyes!
Entre gemidos a Miss Blue Eyes pediu para mudar de posição, fizemos um 69, que delícia chupar a cona dela.
A excitação estava muito grande, a Miss Blue Eyes não conseguiu aguentar mais e libertou mais um orgasmo, que foi bastante forte.
Avisou:
- Ah, vou me vir, não aguento mais e veio-se deliciosamente como uma louca.
Olhei para para a Miss Blue Eyes e estava um pouco cansada e tinha-se deixado cair na cama de barriga para baixo, fui para junto dela e virei-a para cima levantando-lhe as pernas, meti o meu caralho com toda a força que foi facilmente acolhido pela sua cona que estava completamente inchada e húmida.
Vim-me depois de um vai e vem, inundei aquela maravilhosa cona com o meu esperma.

Sem comentários:

Enviar um comentário