Blue Eyes

Blue Eyes

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Entrei...

Entrei sem pedir
Forcei, para sentir
A tua gruta apertada
Que húmida
Cada vez mais fundo
Entro
Com fortes estocadas
Que prazer
Mordo
O teu pescoço, o te seio
O teu ombro, o teu queixo
Ficas com marcas na pele
Agarro-te nas ancas
Fodo-te a gruta
Que bom
Foder...

Sem comentários:

Enviar um comentário