Blue Eyes

Blue Eyes

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Estas urgencias que nos dominam..

Em qualquer lugar, a urgência.
Despidos de preconceitos, sem vergonha ou medo de serem apanhados.
O ritmo do desejo.
Ficar de joelhos, sem dizer uma única palavra, sentir-te dentro da minha boca.
Fodo-te a piça com fome.
Saboreio-te, provo-te, ai.... aquela primeira gota.
Já estás duro, pronto a explodir.
Perdes o controlo, o teu sexo quente, duro e bruto. É desejo pela tua carne. São mãos que desesperam, boca chupa, o cheiro da vontade, do desejo, o sabor da tua força.
Corpos guiados pelo instinto..
Enterras-te na minha boca como se fosse entre as minhas pernas.
É o culminar do prazer que se deu e que se recebeu. 
Bebo-te, sem desperdiçar uma única gota.

Sem comentários:

Enviar um comentário