Blue Eyes

Blue Eyes

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Sexo

Miss Blue Eyes não quer saber do local, nem da hora, não quis decidir, queriia apenas estar.
Queria se oferecer, obediente e dominada, a uma execução perfeita.
Deixou-se que eu conduzisse o corpo, abanou-se de prazer, numa confiança louca e cheia de tesão.
Já me sentia, sentia o animal dentro dela.
Veio a explosão, e a Miss Blue Eyes gritou. Gritou a viagem que sentiu.
Beijamo-nos. Ela cheirava a sexo, a muito sexo.
Era isto que ela estava a precisa, de sexo.

4 comentários:

  1. pelos vistos a condução foi boa ;P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. a paragem ainda melhor..eh eh eh
      obrigado pelo comentario

      Eliminar
  2. Narrativa tesuda e sensacional.
    A pressa da Miss foi mesmo grande.....gozou na barriguinha dela.....e ela gritou!!!
    Queria ter assistido a foda!

    ResponderEliminar