Blue Eyes

Blue Eyes

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Foda-se...que tesão!

A noite já ía longa... tiramos a roupa um do outro. Ela tinha a pele cheirosa, hidratada.
De lingerie preta que lhe pronunciava as formas. Sentia-se poderosa, num jogo de sedução sem pressas.
Todo o ambiente a excitava... As luzes... A música... Saber que aquele era um espaço para foder, os gemidos de prazer que saiam pelas paredes.
Louco de tesão. 
O espaço excita-me... vou fazer desta noite, uma noite inesquecível.
- Toca-te. Quero vê-lo crescer na tua mão enquanto me olhas...
Sem dele desviar os olhos sentou-se em frente a mim de saltos altos, pernas fechadas e alinhadas, de uma forma elegante e irrepreensível.
Mãos nos joelhos, lançou os cabelos para trás das costas. Fez deslizar as mãos pelo corpo, abriu as pernas e com isso a visão para a cueca preta transparente, cujo brilho deixava transparecer o quanto estava húmida... excitada...
Num gesto lento abriu o soutien, deixando-o cair lentamente juntamente com os os cabelos que acompanhavam o deslizar da cabeça.
Os mamilos duros que se faziam notar entre os fios de cabelo deixavam-me louco. Miss Blue Eyes tocava-as com sensualidade, desviando o cabelo e permitindo-lhe ver as mamas tesas de prazer.
Os meus olhos estavam em chama... tesudo, queria fode-la. Miss Blue Eyes estava a gostar de ser olhada.
Posicionou-se de gatas, virou-me o rabo gostoso. Olhou-me e num gesto de provocação ousou dar umas palmadas a si própria.
- Saiste-me uma bela puta, Miss Blue Eyes.
Sabes que estás a pedi-las...
Miss Blue Eyes fez deslizar a cueca, e mostrou os dedos a descobrirem todos os meandros de prazer... abrindo-se toda... para mim.
- Quero que me fodas. Quero agora!
Não me fiz rogado. Estava teso do que uma pedra e enterrei-me nela sem pena ou perdão.
- Eu tenho-o aqui para ti. Agarro-lhe as ancas de forma firme , de vez enquanto dava-lhe umas valentes palmadas... Ela gritava a cada uma - Aiiiiiiii sim caralho, quero mais...
- A minha puta quer mais? Ai puta que eu te fodo toda! Gostas de levar com ele... sua puta.
Provocaste-me nesse jogo de sedução... Agora é a minha vez. Vou lamber-te e depois vou foder-te como uma cadela.
Miss Blue Eyes estava dominada. As pernas tremiam e o coração ficou acelerado. Dei-lhe mais uma palmada. A minha língua entrou na cona, sentiu o sabor da cona da Miss Blue Eyes, e seguida beijo a boca dela para sentir o seu proprio sabor.. desço, mas desta vez, faço-lhe um botão de rosa, naquele lindo cu.
- Aiiiii foda-se, que bommmm...
- Geme cadela, geme... queres o meu caralho não queres... vais ter de suplicar por ele... como fazem as cadelas... de quatro.
- Aiiiii fode-me... estou a escorrer... quero esse caralho enterrado dentro de mim...
- Queres puta, queres... toma... Vais ter de o chupar de joelhos... Isso... A Miss Blue Eyes é mesmo uma cadela com cio. Foda-seee. Devagar senão fazes-me vir com a boca e eu quero foder-te toda!
Miss Blue Eyes sentia o meu pau na boca, agarrava firmemente com as suas mãos.
Era um jogo de poder e submissão. Sugou-me o caralho, mamou-me cada uma das bolas.
Miss Blue Eyes sentia-se excitada. Sentia-me duro, teso como nunca... Queria ser fodida.
- Quero-te de 4 cadela. Vou-te foder essa cona. Estás com o cio... Sinto o cheiro.
Sentiu o meu caralho a encostar e entrar lentamente, enquanto os meus dedos estimulavam-lhe o clitóris.
Ela queria mais. Sentia um tensão de desejo.
Estava tão excitada... Sentia-se um animal dos gemidos. Movia-se toda, queria ser bem fodida.
- Queres que o enterre todo minha cabra. Vou-te foder esta cona toda minha puta. Foda-seeeeee... Aiiiii que cadela... Foda-se... que tesão...
- hummmmm não aguento mais... aiiiiii... vou-me vir... aiaiiaiaiaiaiaiiiiii


-Vem-te puta, vem-te... que eu vou-me esporrar todoooooo.....

2 comentários:

  1. Passo para apreciar a "paisagem" e desejar um feliz e Santos Natal para todos
    "" Agradeço a sua visita ""

    http://deliriosamoresexo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um feliz Natal para ti tbm Adim Sonhador...
      Bjs Blues

      Eliminar