Blue Eyes

Blue Eyes

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Que tesão

Estou a arder de desejo...
Despe-me, mas bem devagarinho.
Tira-me tudo o que tenho em cima.
Calma! Mais devagar! Tão depressa não...
Se o fizeres bem devagar o tesão é maior, o tue e o meu...
Olha como eu estou aberta, molhada, quente, desejosa.
Foda-se, foda-se!
Quero ver-te a vires-te como um vulcão.
Fode-me com a língua e com os dedos, faz-me isso...
Vens-te, estou a sentir, vem-te, vem-te agora...
Enfia-me os dedos, enfia-me dois dedos na cona...
Tens a cona tão quente, deliciosa...
Isso, baixa-te entre as minhas pernas e lambe-me e enfia-me os dedos...
Vou morder-te o clitoris, vou foder-te com a minha língua e com os meus dedos...
Que maravilha!!!
Que prazer...
Vou chupar-te esse caralho...
É tão bom, sentir o teu caralho a crescer na minha boca. Metê-lo na boca ainda pequeno e mole, e sentir a crescer, a crescer, a ficar teso, duro, enorme...
Que tesão! 
Tu és um tesão...
Vou mamar-te, chupar-te, lamber-te, até te vires na minha boca...
Manda essa esporra toda para eu chupar e engolir, ai que deliciosa a tua esporra..
Adorei, como sempre! 
O que é bom acaba sempre depressa, mas valeu a pena, os nossos momentos de excelente sexo que sempre temos.


2 comentários: