Blue Eyes

Blue Eyes

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Tremes, gritas, gemes

O teu corpo, o teu prazer...
Anseias pelo meu caralho...
Contorces de prazer...
A tua boca aberta, que deixa sair gemidos...
Enfio dois dedos dentro de ti...
Que ficam totalmente molhados...
Os teus mamilos estão duros, rijos de tesão.
Denunciam o teu prazer...
Entro dentro de ti, e tu aberta recebes todo o meu caralho...
Começo com estocadas leves, e depois mais fortes e mais rápidas...
Tu vens-te, tremes, gritas, gemes...
O meu caralho dentro de ti...
Que tesão...
Que visão!
A tua cona queima, arde, é fogo.
Os teu lábios húmidos de prazer...
Faço-te vir novamente.
Não aguento e a explosão da-se dentro de ti.

Sem comentários:

Enviar um comentário