Blue Eyes

Blue Eyes

sábado, 20 de junho de 2015

O que há em mim

Venho da luxúria, estimular desejos, perturbar pensamentos e incendiar nossos corpos.
Orgias, milícias,  atraída pelo instinto de sexo selvagem.
Sexo é arte, amor é mais que vontade, não escondo a minha sensualidade e e os meus desejos.
Enfeitiço com o meu corpo, deixo dominar, os toques, o delírio dos orgasmos.
A fome, a sede...
Os meus insaciáveis momentos de prazer.
Impulso ou frenesim, todo homem tem de fazer um mapa no meu corpo e percorre-lo lentamente, em cada canto.
Quero sempre mais prazer.

Sem comentários:

Enviar um comentário