Blue Eyes

Blue Eyes

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Encaixe

Eu não fodo contigo eu encaixo em ti.

Química inegável...
Tesão constante...
Dois corpos e duas mentes unidas na busca do prazer.
Quando não estou contigo imagino os teus olhos. O teu corpo. O teu cheiro. A tua pele.
Assim que te reencontro mesmo sem te tocar, muita coisa acontece dentro de mim.
Antevejo o teu toque.
Imagino as tuas mãos a percorrerem o meu corpo, a tentar descobrir o que não está à vista dos olhos.
Anseio pelo teu cheiro, sofro por antecipação até finalmente me tocares...
Adoro sentir-me possuída por ti.
Sentir o teu olhar a percorrer cada pedaço obscuro do meu corpo, sentir o teu pecado a me dominar.
Que nome dar ao equilíbrio entre o foder e o fazer amor? 
Talvez não haja um nome para o que fazemos.
Assim sendo, vamos foder à nossa maneira.
Fode comigo como só nós sabemos, fode comigo como se não houvesse amanha.
Fode comigo com a certeza que naquele momento, qualquer recanto do meu corpo é teu.
Fode comigo na certeza de que sem os nossos pilares em sintonia isto não resultaria.
Encontra o meu corpo!!!
Percorre a minha pele, incendeia o meu desejo.
Usa e abusa.
Quero que o uses hoje, amanha e depois...
Porque foder assim, desta forma, é sintonia inigualável, nestas noites eu esqueço o mundo e sou apenas eu e tu.
Quero-te apenas, sentir-te de novo sem roupa, pele com pele, prazer com prazer, gemidos, suor...
Ali, juntos por minutos, horas, o tempo passa a nosso favor.
Observa a nossa entrega!!!
Os orgasmos que oferecemos um ao outro.
Tu és sensual.
A entrega, o poder, a conquista, o desejo.
Ofegantes!!!
Entregarmos um ao outro, entrelaçamos os nossos corpos e descansamos até o desejo pedir mais.

6 comentários: