Blue Eyes

Blue Eyes

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Vadia

Sem tretas digo que quero que me fodas, que me arranques orgasmos com a língua.
Quero que me metas os dedos.
Exploro-te e deixo e quero que me explores... Entrego-me... Recebo-te...
Sabes o que me excita, e não qualquer toque.
Sentir as mãos que te levam do inferno ao paraíso, mãos atrevidas, que tocam no meu íntimo arracando-me gemidos em formas de melodia.
Transformando, a dama em uma puta enlouquecida.
Prestes a explodir.
Pernas entre abertas os peitos erectos.
E depois com o rabo empinado toda exposta à espera de uma lambida por toda a minha extremidade.
Á espera de uma penetração sensacional...
Consumida, satisfeita...
Quase uma bipolar em fase de euforia...
Sempre com uma vontade constante de sexo, as vontades que me gritam de dentro.
As vontades explodem em nós e eu venho-me em torno de ti, encho-te de mim e peço que me preenchas de ti...
Sou a tua senhora, a tua puta, a vadia enlouquecida...

Sem comentários:

Enviar um comentário