segunda-feira, 6 de abril de 2020

Os meus desejos são intensos

Sexo na alvorada.
Pela manhã deitada na cama...
Lingerie de renda...
Semi molhada, cheirosa!
Deitada de costas, á tua espera.
Passas as mãos no meu corpo.
Arrepio-me!
E lentamente a tua mão desce, desliza.
Percorre o meu corpo, descobrindo todos os mistérios.
De repente tu viras-me, e diante de tal formosura....
Beijas-me loucamente na boca, e gradualmente desces...
Percorres os meus seios arrepiados.
Desce por toda extensão, chegas no lugar esperado!
Toda molhada e louca de desejo!
Laço-te com as pernas, aperto sobre os meus domínios...
Sinto a tua boca a lamber todo o meu mel, fazendo-me tremer de tesão.
A tua língua safada lambe-me, como um doce desejoso.
E isso deixa-te mais excitado, e em poucos minutos....
Faço-te parar!
Quero sentir-te nas minhas entranhas húmidas.
Num entra e sai sem parar...
É ardor, calor, não sei...
Leva-me ao êxtase.

Sem comentários:

Publicar um comentário